Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘CPI’

NA TRIBUNA: Pronunciamento na sessão do dia 20 de agosto de 2009

Para o vereador VANDERLEI PAULO DE OLIVEIRA (PT) é preciso reeditar a Comissão das Obras Inacabadas, instalada em 1997 no Legislativo para cuidar das 157 ruas inacabadas em Blumenau. Segundo o parlamentar nenhuma obra do ‘Programa Asfalta Blumenau’ foi concluída. “O governo municipal mentiu para imprensa. Podem passar pelo Trevo do Tomio que eles disseram que estava pronto e não está. Fizeram o projeto com o valor determinado, não sei se usaram o dinheiro para esta finalidade, as obras ficaram paradas e agora verificamos os aditivos aos contratos”, disparou. Ele afirmou que irá verificar todos os valores despendidos nestas obras.

Vanderlei ainda declarou que os vereadores têm feito diversas indicações solicitando manutenção de ruas e a limpeza da tubulação e que as respostas não coferem com a realidade. “Eles dizem que executaram, mas sequer passaram nas ruas”, salientou. O parlamentar pediu que a Secretaria de Obras entre em consenso com o que é requerido.

Em outro momento, Vanderlei falou a respeito da solicitação, feita por ele, de uma CPI do Samae. Ele comentou que na época o presidente do Serviço, Luiz Ayr Ferreira da Silva, esteve na Câmara para se defender e disse que colocaria vários documentos a disposição dos vereadores e da imprensa, mas isso não ocorreu. “Este é um assunto que ainda incomoda a cidade e ainda não morreu nos meus trabalhos”, anunciou.

O parlamentar ainda comentou o fato da licitação para concessão do esgoto ter sido suspensa pelo governo municipal e recordou ter sido criticado quando se manifestou sobre o assunto. “Na prática concessão é privatização, sim. Por exemplo, qual o controle que o governo tem sobre o transporte coletivo? Nenhum”, mencionou. Vanderlei ressaltou que o Tribunal de Contas encontrou “22 crateras no edital de licitação do sistema de concessão de esgoto”. “Eles mentem para população e não dizem o porquê voltaram atrás”, destacou.

Assessoria de Comunicação
Câmara Municipal de Blumenau
Anúncios

Read Full Post »

Na tribuna
Pronunciamento na Sessão dia 21 de julho de 2009

Presidente do Samae contando sua estória na Tribuna da Câmara.

Presidente do Samae contando "sua estória" na Tribuna da Câmara.

As explicações do presidente do Samae não convenceram o líder petista VANDERLEI DE OLIVEIRA, para quem “ficou ainda mais clara a necessidade de se criar uma CPI na Câmara”. Ele classificou o depoimento como monólogo, “pois o presidente apresentou a sua ‘estória’ e foi embora. Com o que ele trouxe, fico convencido da abertura de uma CPI para esclarecer a situação, porque, além do fato propriamente dito, o diretor trouxe o entorno, e recomenda que a bancada governista garanta transparência”. Oliveira aproveitou para instigar os governistas: “Se querem transparência, é só ficar à vontade e assinar documento. O presidente apresentou a sua versão e nós queremos o contraponto, uma comissão que tenha capacidade de investigar. O vereador que quiser contribuir com a cidade de Blumenau deve assinar. Se não quiserem, vão responder para a cidade por que a Câmara não quer transparência nos atos do Governo Municipal. As próprias fotos mostradas confirmam que os valores não conferem”, garantiu.

Márcia Firmo - presidente do Instituo Espaço Humano - e Jackson Michel - servidor do Samae - presentes no Plenário da Câmara, ficaram perplexos com "a cara de pau" do presidente do Samae.

Márcia Firmo - presidente do Instituto Espaço Humano - e Jackson Michel - servidor do Samae - presentes no Plenário da Câmara: "Estamos perplexos com a cara-de-pau do presidente do Samae".

Em outro momento, o vereador voltou a disparar contra o edital de licitação das obras de saneamento de Blumenau. Ele apontou as dificuldades para acessar o documento: “Basta pagar 200 reais, comprovar documentos que terão acesso. Ou tentem através do site, para ver como é fácil ter acesso ao procedimento truncado do saneamento de Blumenau”, disparou. À comunidade da rua Hermann Trapp, no Testo Salto, que reclama do atraso na recuperação da passarela, o petista disse que a demora não ocorre apenas naquela região. Oliveira apontou como exemplos, a ponte da rua Capinzal e as passarelas das ruas Catarina de Abreu Coelho, Canto do Rio e da Soldado Moacir Pinheiro. “Vamos continuar cobrando para que as obras sejam feitas em todos os pontos do município”, disse. O vereador mostrou fotos do estacionamento de ônibus às margens do Terminal Fortaleza, que vem provocando toda espécie de transtorno aos moradores, motoristas e cobradores. “É para ter uma noção de como estão as coisas em Blumenau e que a população tem cobrado respostas”, completou.

 

Por fim, registrou que a partir do dia 1 de agosto, o Banco do Brasil institui o Fundo Garantidor, “para permitir que as pequenas e micro e pequenas empresas possam acessar a milhões de reais, que vão assegurar o crescimento do Brasil”.

Assessoria de Imprensa
Câmara de Vereadores de Blumenau

Read Full Post »

Os dois pedidos de CPI´s, sugeridos pelo vereador Vanderlei de Oliveira (PT) para apurar possíveis irregularidades no SAMAE e na URB, continuam aguardando assinaturas. Por enquanto, apenas Vânio Salm (PT), Deusdith de Sousa (PP) e Zeca Bombeiro (PDT), assinaram com Vanderlei os pedidos. Falta mais uma para que os requerimentos prossigam o trâmite legislativo. Vanderlei listou os 15 vereadores por entender que esta é uma tarefa do conjunto da Câmara, especialmente da maioria governista.

protocolo camaraSAMAE: Protocolo desmente Presidente da Câmara

A presidente do Instituto Espaço Humano, Márcia Firmo, apresentou protocolo da Câmara Municipal datado de 02 de julho de 2009, atestando que encaminhou ao Presidente Jens Mantau (PSDB), os documentos que segundo ela, comprovam a simulação administrativa da doação de patrimônio do Samae. Entre eles, um Termo de Doação assinado por Luiz Ayr (PP), diretor-presidente da autarquia. O presidente declarou à imprensa que não recebeu os documentos citados.

Nas rádios, segue a pressão da população pela apuração das denúncias.

Read Full Post »

Escândalo no Samae

100720092317Uma pilha de documentos. Estas são as provas apresentadas por Márcia Firmo, presidente do Instituto Espaço Humano, e que estão sendo objeto de debates e críticas nas rádios de Blumenau. Segundo a presidente da ONG, estes documentos já foram entregues ao presidente da Câmara Municipal, vereador Jens Mantau (PSDB). Um “termo de doação” com mais de 450 itens, mencionados como sucata – entre eles caminhão, máquinas e móveis – com valor total estimado de RS 470,00.

Márcia negou-se a assinar o documento. Ela alega que muitos dos bens já teriam sido desviados e que a intenção era apenas simular administrativamente a saída dos mesmos. Ela contesta o valor citado, afirmando chegar a mais de R$ 200 mil o valor real dos bens. Servidores de carreira teriam sido perseguidos por conhecerem detalhes sobre o desvio de bens da autarquia.

100720092319

Read Full Post »

VANDERLEI PEDE COMISSÃO PARA INVESTIGAR SAMAE E URB

Pronunciamento na Sessão do dia 09 de Julho

Diante da mobilização dos vereadores para resgatar a imagem do Legislativo, o vereador VANDERLEI DE OLIVEIRA (PT) apontou que, para isso, é imprescindível que os vereadores cumpram seu papel, pois a população está cobrando, acima de tudo, a ação fiscalizatória: “Existe uma cobrança de todos os blumenauenses para que façamos o nosso trabalho”. O petista defendeu que os parlamentares conhecem o que está sendo divulgado nos veículos de comunicação e que, por isso, devem tomar uma posição diante do escândalo envolvendo o Samae.

Vanderlei disse ter a informação de que documentos referentes a esta situação foram entregues ao presidente da Câmara e diante disso, quer que os vereadores formem uma comissão parlamentar para investigar o caso. O parlamentar já está com o documento requerente, que conta com a subscrição dos vereadores Deusdith de Souza (PP), Vânio Salm (PT) e Zeca Bombeiro (PDT). Ele aproveitou para pedir que os demais também assinem: “Precisamos de um número mínimo de assinaturas para esclarecer essa questão e dar uma resposta à população”.

Outra questão que merece a atenção dos vereadores, segundo Vanderlei, é o desvio de servidores públicos da URB. Diante disso, cobrou a aplicação dos ideais dos parlamentares: “Se o discurso é da moralidade e da transparência, vamos ver como é na prática”. Ele ainda garantiu que não quer a comissão pelos “holofotes”, e sim, porque quer que os vereadores deem uma resposta positiva à cidade: “A resposta positiva vai depender da ação que for tomada pela bancada governista”.

Assessoria de Imprensa
Câmara Municipal de Blumenau

Read Full Post »