Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘Segurança’

NA TRIBUNA: Pronunciamento na sessão do dia 30 de novembro de 2010

Em 2004 a passagem do transporte coletivo de Blumenau custava R$ 1, 65 e hoje está em R$ 2,57, o que representa um aumento de mais de 55%. A afirmação foi feita pelo vereador VANDERLEI DE OLIVEIRA (PT), ao defender os trabalhadores que estão em greve, reivindicando aumento salarial. “Este valor foi empurrado como verdade pelo Executivo e pelo Seterb na ‘montagem’ chamada de auditoria”, alegou. O parlamentar afirmou que o índice inflacionário do INPC não chegou a 30%. Oliveira ainda lamentou que quando o aumento de 11,47% é discutido, a decisão é rápida, mas em relação à diferença de 1,5% a mais no salário, os responsáveis pelo governo ‘desaparecem’ e não retornam a solicitação da comunidade. “Quando foi para buscar mais de R$ 10 milhões, que até hoje não prestaram contas, foram rápidos, agora quando é para dar mais dois terminais para as empresas de transporte coletivo, não acontece”, alegou, referindo-se ao governo municipal. O petista afirmou que o Executivo é omisso no cumprimento da legislação e mostra que não está preocupado com a população.

Em seguida, o vereador mostrou-se preocupado com a situação da segurança no município. “Hoje, temos um policial civil para mais de 25 mil habitantes. É a mesma coisa que botarmos um policial para cuidar de toda a população de Pomerode, que ainda não chegou aos 25 mil moradores”, comparou. Ele defendeu a necessidade da população cobrar respostas das autoridades responsáveis.

O parlamentar ainda registrou os “gastos” do poder Executivo. “O governo de Blumenau não investe, só gasta”, explicou. Segundo Oliveira, aproximadamente R$ 20 milhões serão utilizados na saúde durante o ano de 2010. “Não gastaram tudo, poderiam ter investido cerca de R$ 2 milhões e meio em unidade de pronto atendimento”, informou. O petista também anunciou que aproximadamente R$ 500 mil reais, dispostos pelo Ministério da Saúde, poderiam ser investidos no Centro de Zoonoses de Blumenau, que atenderia animais abandonados, feridos ou doentes. “Não aconteceu nada, não encontraram espaço para resolver o problema do desespero da comunidade e dos defensores dos animais, que encontram animais jogados por todos os cantos”, afirmou. Por fim, sugeriu que a instalação poderia ser feita no antigo terreno da Artex.

Assessoria de Imprensa
Câmara Municipal de Blumenau
Anúncios

Read Full Post »

NA TRIBUNA: Pronunciamento na sessão do dia 25 de novembro de 2010

Ao anunciar que novas questões relacionadas a Empresa Foz do Brasil, Prefeitura e Samae deverão vir à tona em breve o vereador VANDERLEI PAULO DE OLIVEIRA (PT) aconselhou “pôr as barbas de molho”. Ele ainda declarou que a população está enfrentando diversos problemas com as obras de tratamento do esgoto e o atendimento da Foz do Brasil. O parlamentar citou algumas ruas que, de acordo com ele, ficaram em péssimas condições após a passagem da canalização de esgoto:  Pastor Oswaldo Hesse, Pedro Krause, Boa Vista, Oscar Holz, Frederico Jensen, Alameda Rio Branco e algumas ruas do bairro Vorstadt. “Deem uma olhada em como está a situação”, recomendou.

Em seguida, Oliveira falou a respeito do transporte coletivo. O vereador lembrou que a partir de 2005 quando João Paulo Kleinübing reduziu 299 horários de ônibus na cidade e as dificuldades começaram. Também recordou que em 2007 o Legislativo chamou atenção para a renovação do transporte coletivo e disse que em 2008 não foi esclarecido o que aconteceu com os R$ 10 milhões 123 mil. “E recentemente, antes das discussões sobre questões de trabalho e condições aos passageiros ainda chamávamos atenção para o fato do consórcio Siga ter ganhado de presente do prefeito os dois novos terminais que eram de sua responsabilidade”, afirmou.

Em outro momento, ele sugeriu que a Câmara de Vereadores encaminhe uma moção de apelo a Secretaria de Segurança Pública, ao governador do Estado e ao comando das polícias em Santa Catarina para que não permitam que a força policial que nos protege nos abandone durante a operação verão. “Está na hora dos Conselhos de Segurança fazerem o trabalho por Blumenau e por Santa Catarina”, observou.

O parlamentar também se mostrou indignado com a situação da saúde e destacou que o governo federal colocou a disposição de Blumenau dois milhões de reais para construção da unidade de pronto atendimento, inicialmente na região norte. “Blumenau recebeu autorização para construção, o governo estadual repassaria mais 175 mil por mês para manutenção e sabe o que aconteceu? O governo do estado negou-se a cumprir sua parte e o governo de Blumenau faz uma discussão meramente financeira”, salientou.

Vanderlei ainda solicitou ao representante da Prefeitura, Braz Roncáglio, que peça ao prefeito para acessar um requerimento enviado ao Executivo sobre um crime ambiental que ocorreu durante a execução de uma obra de reforma no pontilhão da rua Chipre, no Loteamento Caité, no bairro Progresso.

Assessoria de Imprensa
Câmara Municipal de Blumenau

Read Full Post »

NA TRIBUNA: Pronunciamento na sessão do dia 11 de novembro de 2010

O município vive em situação de insegurança de acordo com o vereador VANDERLEI PAULO DE OLIVEIRA (PT). Ele lamentou o que ocorre com a comunidade da rua Emílio Tallmann e recordou de uma reunião, na qual o prefeito e o vice-prefeito fizeram promessas de sinalização e melhorias para localidade. “Talvez para essa e outras comunidades não se tenha dinheiro”, disse ao mencionar que consta no Boletim do Município ter sido pago “com dinheiro dos impostos cobrados da população” a contratação de hotel para hospedar as bandas alemãs no valor de R$ 139, 7 mil. Também citou terem sido gastos mais de R$ 233 mil em coffee breaks e mais de R$ 806 mil com bandas marciais, fanfarras e outros grupos para Oktoberfest. . “Para isso tem dinheiro enquanto para políticas públicas não tem. Vejam o que é prioridade nesta cidade”, destacou.

Além disso, o parlamentar também ressaltou os constantes furtos e assaltos ocorridos na região norte de Blumenau. Ele contou ter comparecido a uma reunião feita pelos moradores do norte do município que estão desesperados com a falta de segurança. Vanderlei lembrou que o prefeito e o governador do Estado têm informações sobre a situação, mas nada é feito. “O governador do Estado e o prefeito tem sido muito parceiros enquanto a população de Blumenau continua sendo assaltada”, apontou. Oliveira falou ainda que já não se espera mais ações da Câmara de Vereadores e lembrou que parlamentares da situação já tentaram e nada ocorreu.

Assessoria de Imprensa
Câmara Municipal de Blumenau

 

Read Full Post »

NA TRIBUNA: Pronunciamento na sessão do dia 21 de setembro de 2010

O apelo dos ambulantes de Blumenau aos vereadores, contra a decisão da prefeitura de retirar veículos das calçadas durante a noite, recebeu o apoio do petista VANDERLEI DE OLIVEIRA.  Ele lembrou leis sancionadas em governos anteriores, que beneficiaram os mototaxistas, carrinhos de cachorro quente e vendedores ambulantes. Para Oliveira, “com o reconhecimento destes profissionais por lei federal, imaginávamos que Blumenau atuaria para melhorar as condições de trabalho das categorias, mas não é o que está acontecendo”. Também citou projeto de sua autoria para garantir que todos os carrinhos fossem padronizados para garantir uma visão mais adequada, mas não foi atendido. De acordo com o líder petista, “antes das últimas eleições começaram um programa para remontar a legislação e acabaram descobrindo que era necessário apenas um programa de melhoria. Enganaram muitos artesãos, ambulantes e vendedores de cachorro quente. Agora, às vésperas de outra eleição, novamente voltam a tratar do problema. É possível, que alguém venha dizer que está tudo bem, mas na verdade não está”, disparou. Vanderlei considerou absurda a postura da prefeitura que notifica e dá um prazo de três dias para que os ambulantes se regularizarem ou, então, perderão os carrinhos, sem convocar uma audiência ou conversar com aqueles que precisam de apoio.

Ao falar sobre segurança pública, o líder do PT na câmara, afirmou que “Santa Catarina vai de mal a pior nesta área, porque faz menos de quatro meses que o estado que aderiu ao Programa Nacional de Segurança Cidadã – PRONASC. Espero que a partir de agora, o estado e os municípios tenham habilidade de fazer os projetos para garantir os recursos para segurança”.

Ele lamentou que mais uma vez a Rodovia Guilherme Jensen foi palco de acidente grave com vítimas fatais. Disse que “o governador, o secretário de estado de desenvolvimento regional e vários parlamentares prometeram a solução há seis meses e apenas enrolaram”.

Também apoiou o movimento dos moradores da rua Professor Jacob Ineichein para cobrar a promessa do prefeito de que a obra não pararia antes da conclusão. “Infelizmente parou, como ocorre em outras ruas da cidade”, disse.

Assessoria de Imprensa
Câmara Municipal de Blumenau

Read Full Post »

NA TRIBUNA: Pronunciamento na sessão do dia 18 de maio de 2010

Foto: Câmara de Vereadores

Ao comentar a passagem do ex-governador Luiz Henrique da Silveira pela Câmara de Vereadores, o vereador VANDERLEI PAULO DE OLIVEIRA (PT) fez duras críticas à atuação dos governos Municipal e Estadual em Blumenau. “Acabamos de ouvir um governador que não implanta a defensoria pública e não investe em segurança e vem usar o tempo da população para contar histórias”, protestou. O parlamentar observou que esperava explicações do peemedebista em relação às falhas cometidas durante o mandato. “Ele falou do Poder Legislativo sem saber das barbaridades que este Poder tem feito, submetendo-se às vontades do Executivo e prejudicando a população”, criticou. Oliveira ainda reforçou que Luiz Henrique da Silveira não se esforçou para garantir segurança à Blumenau e lembrou a ação pública movida por vereadores para solicitar segurança.

Em outro momento, o petista criticou a falta de atenção do Executivo com os cidadãos blumenauenses. “As últimas medidas no que dizem respeito ao trânsito são medidas de quem não gosta da cidade de Blumenau”, protestou. O parlamentar comentou ainda a situação de pontes na região da Nova Rússia que precisam de melhorias para a população transitar com segurança. “As pontes estão nessas condições há muito tempo e nada é feito. A comunidade está pedindo há anos”, precisou. Vanderlei citou ainda os recursos inutilizados pelo Executivo, impedindo a população de ter garantia às moradias definitivas. “Os governos Estadual e local não se preocupam com os malefícios causados para Blumenau. Não gostam do turista nem da população e não têm compromissos”, alegou.

Assessoria de Imprensa
Câmara Municipal de Blumenau

Read Full Post »

NA TRIBUNA: Pronunciamento na sessão do dia 11 de março de 2010

“Estamos apanhando feito ‘boi ladrão’ na comunidade porque o governo não faz nada”. A crítica partiu do vereador VANDERLEI DE OLIVEIRA (PT) ao reclamar de obras prometidas pelo Governo Municipal que não foram cumpridas. Conforme apontou, esse é um dos motivos pelo elevado número de indicações apresentadas por alguns parlamentares. “São milhões de indicações dos vereadores que frequentam as suas comunidades. É muito cômodo para vereador que não tem relação com o povo achar que está tudo bem”, comparou. Ele contou que esteve no bairro Fortaleza e ouviu reclamações sobre as ruas Hermann Lange, Theodor Kleine e Guilherme Scharf, que não tiveram melhorias, conforme havia sido prometido.

Ao afirmar que “Blumenau virou a cidade do remendo”, o petista comentou a situação da rua Amazonas, cuja reurbanização não foi concluída até então. “A comunidade viu os prospectos da rua Amazonas e, de repente, desapareceu”. Vanderlei de Oliveira cobrou mais eficiência dos cargos comissionados da administração municipal: “Façam seus cargos políticos trabalharem, porque se eles trabalhassem os vereadores não seriam canais de reclamação da população”.

Em outro momento, o parlamentar comentou as reclamações sobre a falta de segurança em Blumenau, feitas por vereadores da tríplice aliança: “A base de governo aqui tem reclamado às paredes, porque a base da tríplice aliança em Santa Catarina é tão competente que nem consegue trazer o secretário de segurança pública a Blumenau”. Ao mesmo tempo, frisou as várias manifestações da deputada estadual Ana Paula Lima sobre a questão da insegurança e sugeriu aos parlamentares: “Quando os vereadores do DEM, PSDB e PMDB quiserem falar de segurança, falem com o governador, com o vice-governador, com o secretário regional e com o secretário de segurança”.

Vanderlei ainda comentou o “desafio” de qual viaduto será concluído antes, o da Mafisa ou o da Via Expressa. Ele reafirmou que o Governo Municipal está entravando os trabalhos na Mafisa por problemas de desapropriação e consolidou: “Espero que o prefeito não atravanque ainda mais o viaduto da Mafisa e também que não atravanque o viaduto da Via Expressa”.

Assessoria de Imprensa
Câmara Municipal de Blumenau

Read Full Post »

NA TRIBUNA: Pronunciamento na sessão do dia 19 de novembro de 2009

Ao apoiar o pronunciamento de Larissa Constantino e Vilmar Carl, que se manifestaram esta tarde na tribuna sobre a falta de segurança no trânsito e saúde pública respectivamente, o vereador VANDERLEI PAULO DE OLIVEIRA (PT) exaltou novamente sua indignação com a administração municipal. “Não é o fato de ser oposição ou situação, o município precisa de governo para saúde, segurança pública, questões estruturais e não para propaganda”, disse.

Vanderlei criticou o adiamento da inauguração da unidade regional do Centro de Hematologia e Hemoterapia de Santa Catarina (Hemosc), que começou a ser construído em 2004. O vereador chamou a obra de ‘monumento ao desperdício’. Ele ainda fez a leitura da matéria “Inauguração do Hemosc é adiada pela terceira vez”, publicada hoje no Jornal de Santa Catarina. “Este governo que está em Santa Catarina desde 2003, que buscou recurso federal, projetou o Hemosc para Blumenau e todos nós imaginávamos que estaria pronto e aí está o Hemosc ainda não concluído”, analisou.

Em outro momento, o parlamentar anunciou que no domingo acontecerá a eleição nacional, Estadual e municipal para direção do PT. Ele convidou todos os filiados para comparecerem na Casa Amarela, das 9h às 17h. “Este é um partido que pratica democracia em suas instancias internas”, falou.

Vanderlei aproveitou ainda para agradecer ao povo catarinense que elegeu o presidente Luís Inácio Lula da Silva e a senadora Ideli Salvati. Ele elogiou o trabalho da senadora e também dos deputados Décio Lima, Cláudio Vinhati e Jorge Boeira.  O petista ainda demonstrou gratidão a todos os companheiros de gabinete. “Um mandato de vereador é feito com o auxilio de quem pode trabalhar com liberdade no gabinete”, citou. Ele agradeceu também aos que procuram o gabinete, as criticas construtivas e aqueles que o auxiliaram a fazer o mandato ao longo de sua vida pública. “Todos tem me ajudado a fazer o trabalho propositivo e fiscalizatório”, afirmou.

Por fim, o vereador comentou que apesar de morar no Progresso tem sido procurado pela comunidade dos 35 bairros de Blumenau. “Peço desculpa se não tenho conseguido atender a todos”, finalizou.

Assessoria de Imprensa
Câmara Municipal de Blumenau

Read Full Post »

Older Posts »